Matéria Especial: Adoráveis vilãs

Toda boa novela que se preze tem um bom vilão ou uma boa vilã. Em outros tempos, a maioria era odiada por todos. O público as criticavam, sentiam ódio, e mais que isso, carregavam consigo um desejo intenso de que no capítulo final todas pagassem pelos males que haviam cometido em tantos outros.

Mas, de uns tempos pra cá, muitas delas começaram a despertar o interesse do público, que por mais que as criticassem, gostavam de acompanhar suas artimanhas, seus planos mirabolantes, e também o momento em que elas se davam mal. Na maioria deles.

RR

Algumas delas chegaram até a ofuscar a mocinha da história. Como caso mais recente dá pra citar a Carminha de ‘’Avenida Brasil’’. Sempre estridente – e eufórica –  a loira má conquistou o público de uma maneira única. Nazaré Tedesco – a inesquecível Naza – é outro exemplo. Mesmo sendo uma assassina, e cruel, o telespectador bem que gostava de suas sacadas e de seu humor, até mesmo nas horas mais trágicas e dramáticas. 

As vilãs mexicanas, assim como algumas brasileiras, não deixam a desejar. Paola Bracho que o diga. A sensual personagem é querida por muitos, que a confundem com uma segunda personagem principal de ‘’A Usurpadora’’. Seu tom irônico, sua gargalhada fatal, suas ameaças e suas frases, como ‘’Façamos um pacto de Vadias’’, e ‘’Sou a verdadeira Paola Bracho’’ não saíram da mente dos fãs do clássico folhetim, que a adoram. Diria até que bem mais que a bondosa Paulina.

paolapoder

Soraya Montenegro, de ‘’Maria do Bairro’’ é a típica maldosa desequilibrada. Fria e calculista, fez com que a trama perdesse alguns pontos no ibope, quando exibida pela primeira vez no SBT, com sua suposta morte. Assim que retornou á novela, o ibope correspondeu novamente. No México, ela é considerada uma das melhores vilãs de novelas, perdendo apenas para Catarina Creel – a que combinava suas roupas com um tampão que utilizava em um de seus olhos.

Rubi  é outra ‘’alma malígna’’ que encanta. Desta vez, inovando um pouco, a própria é a protagonista da novela de mesmo nome. Em cada capítulo, a bela trama alguma para ter de volta seu adorado Alessandro. O que chega a cansar um pouco. Mas se nem ele mesmo – a quem considera o único amor de sua vida –  escapou de suas garras, imaginem os demais personagens…

Poucos não sofreram com sua influência. A cada um que entrava em seu caminho, que ameaçava seu dinheiro e sua boa vida, ela logo tratava de aprontar uma e dar um jeito na situação.

Talvez por isso grandes novelas façam tanto sucesso, tanto aqui como lá fora. As vilãs, de certa forma – mesmo que esbocem alguma reação negativa  – cativam, prendem a atenção e dão o tom na novela. Afinal, qual dessas tramas seria interessante sem alguns deles ? Qual delas teria um bom andamento sem eles ? E o mocinho (a), sofreria devido a quem, e qual função teria ?

@leonaardogsilva 

Obrigado pelo comentário! Volte sempre! =)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s