Ministério da Justiça reclassifica ”A Usurpadora”

 

O Ministério da Justiça acaba de reclassificar a novela ”A Usurpadora”, que está em sua quinta exibição no SBT. Segundo o órgão, o folhetim mexicano – assim como os outros, considerados leves – apresenta ”linguagem depreciativa, ato violento, agressão verbal, e consumo de drogas lícitas. Para quem se pergunta a que se referem essas drogas, trata-se dos cigarros utilizados por uma personagem. Antes seu uso era comum em novelas, hoje não.

Por mais que tenha sofrido uma reclassificação, ”A Usurpadora” (que antes era ”livre para todos os públicos”) não precisará ser exibida em outra faixa. Permanecerá na mesma.

@leonaardogsilva