Crítica: O bom senso dos “Amigos da onça”

Destaque nas noites de segunda…
20130104093229

Pela primeira vez é visto no na emissora de Silvio Santos uma atração com uma pitada de “maldade” aos moldes dos humorísticos mais modernos. Desenvolvida a partir de um formato americano da Warner Bros (Impratical Jokers), o programa “Amigos da onça” é uma mistura de Game com Pegadinhas, onde 4 amigos tentam cumprir missões realizando tarefas.

O que é impressionante e merece destaque é que pelo horário de exibição (11 da noite) a atração decidiu focar num “besteirol” mais moderado, onde recebe classificação livre, tendo a oportunidade de fazer um programa mais apelativo.

amigosdaonça

Os mestres são eles: Marco Zenni, Murilo Gun, Allan Benatti e Edu Nunes. As performances desses humoristas são sensacionais, passam veracidade nas cenas e risadas para quem acompanha.

Mas nem tudo é um “mar de rosas”. Apesar de ver em outros programas coisas mais bizarras, é um pouco frustante depois de coisas positivas encontrar cenas mais nojentas.

Esse humorístico é excelente e tem tudo para render muitas risadas. Mas seria plausível assistirmos na próxima temporada um programa que permaneça mantendo o bom-senso, ou talvez modere um pouco nas bizarrices. Ver chupões de dedões, cuspidas em bebidas que são tomadas em seguida, entre outras coisas é no mínimo indigesto.

Em especial para o CLUB TV:
Henrique Oliveir
a