Reprise de ”O Profeta” se torna um fracasso de audiência

 

A Globo segue apostando em reprises de tramas que foram exibidas originalmente na faixa das seis, ou sete da noite no ”Vale a Pena ver de Novo”. Parte disso tem a ver com a classificação da sessão, que é um problema para a emissora quando esta decide reapresentar um folhetim exibido na faixa das nove horas. Tudo devido ao Ministério da Justiça, que trataria de vetar qualquer cena considerada mais forte para o horário.

Com isso, a Globo acaba reprisando tramas atuais, que certamente não condizem com o nome de sua faixa de reapresentações, e levando a pior. ”O Profeta”, por exemplo, está há duas semanas no ar e até agora vêm registrando médias de apenas 10,4 pontos de audiência na Grande São Paulo, principal praça que o mercado publicitário leva em consideração. 

Há tempos uma reprise não bate a meta estabelecida. 

Para se ter uma ideia do fracasso de atual reapresentação, segue á baixo os dados de audiência de suas antecessoras, com base no mesmo período:

”Alma Gêmea”: 17,4

”Sinhá Moça”: 14,9

”Sete Pecados”: 10,8

”O Clone”: 15,8

”Mulheres de Areia”: 14,1

”Chocolate com Pimenta”: 14,5

”Da Cor do Pecado”: 10,6

”O Profeta”: 10,4

Leonardo Gabriel