Sônia Abrão mostra um das últimas fotos de Chorão

A apresentadora que tinha um parentesco com Chorão publicou nesta última quinta (11) uma das últimas fotos do cantor.

“Das fotos do álbum de família que cedi à revista Rolling Stone, 15 já estão no site da publicação. Entre elas, essa que posto agora porque dá sequência à última de ontem: Chorão com seu gato Comandante!”, disse.

Chorão foi encontrado morto por overdose de drogas na manha do dia 6 de março deste ano. Alexandre Magno era o principal letrista e vocalista da banda Charlie Brown Jr.

 

Felipe Santos

Anúncios

DESTAQUE MUSICAL // EDIÇÃO #03

bannergabriel

 

DESTAQUE MUSICAL DESTAQUES DA SEMANA

Justin Bieber passa mal durante show em Londres

Foto do cantor no hospital aparentemente bem

Na noite da última quinta (07) durante uma apresentação na cidade de Londres, o cantor Justin Bieber teve problemas respiratórios e teve que abandonar o palco no meio do show.

O cantor que passou 20 minutos no camarim voltou ao palco e disse que não poderia continuar o show e foi levado para o hospital na qual ficou sobre observação.

Jonas Brothers inicia turnê brasileira

com show no Paraná

Na noite da última terça (5) aconteceu o primeiro de uma série de shows do trio Jonas Brothers no estado do Paraná, Brasil.

A apresentação que durou aproximadamente 1h25, contou com a execução de 18 músicas, incluindo hits como “Let’s Go“, “Fly With Me“, “Hello Beautiful“, “When You Look Me In The Eyes“.

O trio ainda passará por Belo Horizonte, no dia 8; São Paulo, dia 10; Rio de Janeiro, dia 12; e Porto Alegre, dia 14.

DESTAQUE MUS BILLBOARD

Ranking Billboard Hot 100

1°:  Harlem Shake – Baauer

2°: Thrift Shop – Macklemore & Ryan Lewis Featuring Wanz

3°: When I Was Your Man – Bruno Mars

4°: I Knew You Were Trouble – Taylor Swift

5°: Stay – Rihanna Featuring Mikky Ekko

6°: Started From The Bottom – Drake

7°: Scream & Shout – will.i.am & Britney Spears

8°: Suit & Tie – Justin Timberlake Featuring Jay Z

9°: Locked Out Of Heaven – Bruno Mars

10°: Don’t You Worry Child – Swedish House Mafia Featuring John Martin

Homenagem

A homenagem dessa semana vai para Alexandre Magno Abrão, o Chorão

Alexandre Magno Abrão nasceu an cidade de São Paulo no dia 9 de abril de 1970. Quando Chorão tinha onze anos, seus pais separaram-se. Aos catorze anos, sua mãe teve um derrame e quase morreu. Foi nessa época que ele começou a andar de skate, uma das suas paixões. Chorão atuou profissionalmente no esporte na década de 80 na categoria freestyle, sendo vice-campeão paulista. Seu apelido Chorão foi dado pelos seus amigos de skate.

CARREIRA

Em 1987, com então 17 anos de idade Chorão se mudou para Santos, litoral de São Paulo, após uma infância difícil e traumática. Era mais conhecido pelo apelido de Chorão. Um dia, em um bar local, substituiu por acaso o vocalista de uma banda, quando o mesmo precisou se ausentar devido a necessidades fisiológicas.

Uma pessoa da plateia, ao vê-lo cantar, convidou-o para ser vocalista em sua banda. Quando o baixista da referida banda saiu, Chorão veio a conhecer Champignon, o novo baixista, uma criança de apenas 12 anos na época, formaram então a banda What’s Up. Tempos depois, Chorão e Champignon decidiram convidar o baterista Renato Pelado, egresso de bandas da cidade como Ecossistema, Jornal do Brasil, entre outros projetos. Mais tarde, Marcão e Thiago Castanho completaram a primeira formação da banda Charlie Brown Jr. A banda, ainda sem nome, continuou a se apresentar na cidade. “Fundei e batizei a banda com esse nome em 1992. Foi uma coisa inusitada. Trombei (literalmente) com uma barraca de água de coco que tinha o desenho do Charlie Brown, aquele personagem do Charles Schulz, mais conhecido por ser o dono do Snoopy.

E o “Jr” é pelo fato de sermos filhos do rock”, se explica Chorão pelo fato de a banda se considerar “filha” de uma geração de músicos e bandas como Raimundos, nos anos 90 Chorão considerava Rodolfo Abrantes, o vocalista dessa banda, como o melhor do brasil , Nirvana, Red Hot Chili Peppers, Nação Zumbi, e Planet Hemp. A sonoridade do grupo tinha influências de grupos como Sublime, Bad Brains, 311, misturando hardcore punk, skate e reggae.

Por volta de 1993, já com esta formação da banda, eles começaram a tocar no circuito underground de Santos e São Paulo e a fazer shows em vários eventos de skate. Uma fita demo foi entregue ao Rick Bonadio, presidente da Virgin Records no Brasil e produtor dos Mamonas Assassinas, que se interessou pelo grupo e os contratou. De uma demo de três faixas surge o primeiro disco do CBJr, produzido por Tadeu Patolla e Rick Bonadio com o selo da Virgin Records. Nasce então o álbum Transpiração Contínua Prolongada. O álbum foi produzido por Tadeu Patola (ex-Lagoa 66), o álbum é bem recebido pelas rádios com as faixas “O Coro Vai Comê!”, “Proibida pra Mim (Grazon)”, “Tudo que Ela Gosta de Escutar” e “Gimme o Anel”, vendendo 500 mil cópias. Na época, o baixista Champignon era menor. Consequentemente, sempre que a banda se apresentava em casas noturnas, era necessária uma autorização judicial para que o jovem baixista acompanhasse o grupo.

MORTE

Chorão foi encontrado morto por seu motorista, na madrugada de 6 de março de 2013 (uma quarta-feira), em um apartamento que ocupava esporadicamente no bairro de Pinheiros, em São Paulo. Segundo a polícia, que descartou inicialmente a hipótese de homicídio, o apartamento encontrava-se em grande desordem, com garrafas vazias de bebida, embalagens de remédios e marcas de sangue

O delegado Itagiba Franco afirmou que Chorão passava por uma depressão devido à separação da mulher, a estilista Graziela Gonçalves. Ele ainda informou que o músico era procurado pelos outros integrantes do Charlie Brown Jr. desde o meio-dia de terça-feira (05 de março). Segundo a Folha de São Paulo, a polícia acredita que a morte pode ter acontecido entre segunda e terça-feira (04 e 05 de março, portanto), devido ao estado que o corpo foi encontrado.

Wikipédia

___________________________________________________________________________

O Destaque Musical vai ficando por aqui, até a próxima semana, tchau!

Veja imagens do corpo do cantor Chorão e apartamento onde ele morreu

Reprodução/ Rede Record

Na madrugada desta terça (05) foi encontrado morto o cantor Chorão, vocalista da banda Charlie Bronw Jr.

O cantor foi encontrado no seu apartamento na qual estava todo bagunçado com bebidas e algumas substâncias que possivelmente haviam sido consumidas pelo cantor antes de sua morte. As imagens ainda mostram marcas de sangue deixadas pelo cantor. Veja:

apto1 (1)

Sala de Estar do apartamento

Polícia encontrou bebidas no apartamento (Foto: Divulgação)

Garrafas e latas de bebidas encontradas no local

Marcas de sangue foram encontradas no imóvel (Foto: Divulgação)

Marcas de sangue deixada pelo cantor em seus últimos momentos de vida

O delegado Itagiba Vieira, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), disse nesta quarta-feira (6), que não acredita que o vocalista tenha sido vítima de um homicídio. “Aparentemente não foi homicídio. O IML é que vai dar a causa da morte. Aparentemente ou foi por uso de medicamento ou outra substância”, disse o delegado.

A apresentadora Sônia Abrão, prima do cantor, disse que ele reclamava da solidão. Sônia era prima de chorão por parte de pai. Eles se encontraram pela última vez há cerca de sete meses, no velório do pai da apresentadora. Chorão, que segundo ela passava por uma depressão profunda, reclamou da solidão.

“Na última conversa que tivemos ele disse: ‘o que me derruba é que a gente nasceu sozinho e morre sozinho’. E ele morreu sozinho”, disse Sônia. “Faz um tempo que ele estava num processo de depressão muito profunda mesmo. Com o fim do casamento, as coisas pioraram muito para ele”. Chorão terminou o seu segundo casamento, que durou 15 anos, há cerca de seis meses, segundo informações da TV Globo.

As informações e fotos são do site G1.

Atendendo pedido de fãs, Globo coloca música de Charlie Brown Júnior em ”Malhação”

 

Morreu na madrugada desta quarta-feira (06) o músico Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr. 
 
Desde cedo, milhares de fãs fizeram uma campanha nas redes sociais pedindo que a Globo prestasse uma homenagem ao cantor durante “Malhação”.
 
A música “Vou te Levar”, do Charlie Brown Jr., se consolidou na abertura da novela e ficou como tema de 1999 até 2006, sendo até hoje a canção que mais tempo foi responsável pela abertura da trama. 
 
E a emissora atendeu aos pedidos dos fãs.
 
No encerramento de “Malhação” no final da tarde de hoje, a Globo colocou a música enquanto subiam os créditos finais da produção.
Natelinha

Prima do cantor Chorão afirma que ele desejava encontrar o pai falecido

 

Muitos não sabem, mas a jornalista Sônia Abrão é prima do cantor Chorão, que foi encontrado morto em sua residência na madrugada desta quarta-feira. Pela manhã, ela foi até o local, porém segundo afirmou á imprensa, não teve coragem de avistar o apartamento que estava todo desorganizado

Segundo Sônia, o líder da banda Charlie Brown Júnior ”prezava muito por sua família para tirar a própria vida”, e que se encontrou com ele há 7 meses atrás, quando tomou conhecimento de alguns de seus sentimentos. Ele disse para ela que sua família deveria ser mais unida, e que mesmo cantando para multidões, se sentia sozinho.

A apresentadora também declarou que o cantor havia dito há alguns dias atrás para seu irmão que o seu desejo era reencontrar seu paí, morto há dez anos. 

Leonardo Gabriel

Record noticia a morte do cantor Chorão

 

A Record, por meio de seu jornalístico de todas as manhãs – o ”Balanço Geral” – noticia a morte do cantor Chorão, da banda Charlie Brown Júnior. Primeira a levar a notícia para seus telespectadores, as informações á respeito do ocorrido começam a ser especuladas. Sabe-se apenas que ele foi encontrado morto em sua residência. Maiores explicações, com certeza serão levadas ao ar no período da tarde.

Leonardo Gabriel