Estúdios de afiliada da Record são danificadas devido á incêndio

O pânico tomou conta nesta quinta feira (22) de uma afiliada da Record em Santa Catarina,  RIC Record, situada no Morro da Cruz em Florianópolis. Houve um princípio de incêndio por volta das 18h10, que foi capaz de danificar estúdios e cenários do canal em função do calor. Em nota divulgada pela emissora há algumas explicações sobre o ocorrido.

Segundo consta, dois caminhões foram até o local para tentar acabar com o fogo, coisa que os bombeiros conseguiram fazer. Três funcionários acabaram tendo que receber tratamento médico devido a fumaça.

Por conta disso, a nota também esclarece o porque de a emissora ter ficado sem sinal por um certo tempo, que logo foi restabelecido, fazendo com que um de seus telejornais não fosse levado ao ar.

Confira o comunicado:

O Grupo RIC comunica que na tarde desta quinta-feira, dia 22, um principio de incêndio atingiu um dos estúdios da emissora, localizado no Morro da Cruz, em Florianópolis. Equipamentos e cenários foram danificados pelo calor.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e impediu que o princípio de incêndio se alastrasse para outros departamentos. Três funcionários receberam atendimento médico ambulatorial devido à ação da fumaça e passam bem.

Em função do incidente, o RIC Notícias não foi exibido nesta quinta-feira. Um laudo pericial está sendo produzido pelo Corpo de Bombeiros para tentar identificar a fonte que provocou o princípio de incêndio.

A emissora ficou fora do ar por um pequeno período por medida de segurança e o sinal foi restabelecido logo em seguida. O Grupo RIC e seus colaboradores estão trabalhando intensamente para restabelecer as condições de trabalho o mais rápido possível e agradece as mensagens de apoio e solidariedade”.

Leonardo Gabriel

Anúncios