CLUB DRAMATURGIA #05: TOP 5 – Helenas de Maneco (SEASON FINALE)

SOAP

 

OLÁ, leitor do Club Dramaturgia que ainda não me conhece. Meu twitter é @jpaulo_as e chegou sua chance de conhecer esse cara simpático, talentoso e lindo que sou – sqn. Bem, vamos começar a falar sobre o tema da edição de hoje que teria de ser muito especial, uma vez que essa é a última da temporada (me iluda com sua cara de tristeza, please). Decidi fazer um TOP 5, coisa que já andava querendo há um tempo, mas ficou a pergunta na minha cabeça: “de quê?”. A resposta só me veio à mente quando li uma notícia de que o ciclo de Helenas de Manoel Carlos está chegando ao fim e eu pensei “nada melhor do que lembrar as cinco melhores, não é mesmo?”. E deu no que deu, estou começando oficialmente o Club Dramaturgia “TOP 5 – Helenas de Manoel Carlos”.

240px-Lilian_Lemmertz_FB_0133_007_Cordeliabase com nome

Christiane-Torloni-mulheres-apaixonadas

Ninguém melhor para abrir o nosso Top 5 do que Christiane Torloni (foto) não é mesmo? Em 2003 ela ganhou um presente de Manoel Carlos chamado Helena Moraes Ribeiro Alves. Sua Helena foi a única que pensava mais em si do que na família. Enquanto as outras faziam sacrifícios e loucuras por seus filhos, Helena Moraes refletia se era realmente feliz com sua vida: casada com o músico Téo e mãe adotiva do pequeno Lucas.

As reflexões dela se tornam mais presentes quando ela encontra um grande amor da juventude, César, com quem viveu um romance 15 anos antes. Ela luta contra a atração dos dois, mas é algo inevitável e eles acabam se juntando.

Christiane Torloni então abre o nosso pódio na quinta colocação com sua brilhante Helena, uma mulher comedida, atraente e responsável que esteve entre o dilema amor x família a maior parte da trama, encontrando o equilíbrio apenas no meio do folhetim.

Assista a um vídeo da atuação de Christiane como Helena logo à baixo:

base com nome 2

helena_maite_proenca_felicidade

Maitê Proença interpreta Helena, natural da fictícia Vila Feliz (MG), e é durante um jogo da copa do mundo que ela conhece o homem da sua vida, Álvaro (Tony Ramos), e eles acabam vivendo um intenso romance. Todavia, ela acaba se casando com Mário (Herson Capri), mas o casamento se revela um completo fiasco e a separação se torna inevitável.

O destino decide dar uma segunda chance à Helena e Álvaro e eles têm um breve reencontro que acaba gerando um fruto: a pequena Bia. Porém, Álvaro era casado coma rica e problemática Débora (Viviane Pasmater) e Helena, com medo de contar para os pais conservadores que está grávida de um homem comprometido, parte para o Rio de Janeiro.

Na base do trigésimo capítulo, oito anos se passam e Helena, já com a filha um pouco crescida, vai trabalhar na casa de Cândica (Laura Cardoso) e lá acaba descobrindo que ela é mãe de Álvaro, que ele ainda está casado e tem um filho, o pequeno Alvinho. Nossa heroína tenta de todas as formas evitar um laço com o personagem de Tony Ramos, porém ele já está feito e se chama Bia. Eles só começam a se aproximar de verdade com a amizade crescente entre seus filhos.

Mas se pensam que essa união será fácil, eles estão muito enganados: Débora se mostra uma esposa psicopata e obsecada pelo marido. Os últimos capítulos da trama são marcados por sequências emocionantes em que Helena revela que Bia é filha de Álvaro, Débora tenta matá-la, mas acaba sofrendo um acidente e ficando sem o movimento das pernas e os mocinhos têm um final feliz.

Veja a cena agora onde Helena está sendo violentada por um admirador de Vila Feliz, mas é felizmente salva por Chico Treva.

Agora vamos para a nossa tradicional troca de bloco e fique atento, pois, se seu relógio estiver marcando que são mais de 20h20 de 22 de janeiro de 2013, quer dizer que o segundo bloco já saiu, é só acessar esse link —–> https://clubdatelevisao.wordpress.com/category/club-tv-2/colunas/club-dramaturgia/ To te esperando lá!

Estreias de ‘Da cor do Pecado’ e ‘Felicidade’ movimentam a TV e as redes sociais

Nesta segunda feira, fomoscontemplados com duas ótimas reprises de novelas, para os noveleiros de plantão, que assistiriam á ‘Maria do Bairro’ mesmo que ela fosse reprisada 10 vezes. O dia foi marcado pela volta de ‘Da cor do Pecado’, no ‘Vale e Pena ver de Novo’ da Globo, e de ‘Felicidade’, do Viva.

A primeira, desde que se iniciou, ás 14h30 até o seu término por volta das 15h30, se manteve em primeiro lugar nos TT’S do Twitter (os assuntos mais comentados da rede social). Sinal que repercutiu, e muito…

A trama de João Emanuel Carneiro, uma das mais bem sucedidas no horário das sete  na década de 2000, originalmente exibida em 2004 e reprisada em 2007 apresentou seus principais personagens no primeiro capítulo: A  mocinha Preta, a vilã Bárbara, Paco, Apolo e a divertida família sardinha. No folhetim, do mesmo autor de ‘Avenida Brasil’ comprovamos algumas de suas inspirações para sua trama atual. Como no golpe que a personagem de Giovanna Antonelli pretende dar no namorado ricaço, mentindo que está esperando um filho dele, quando na verdade é de seu amante. Algo bem semelhante com a tramoia que Carminha armou para Tufão – Mentiu para o ex jogador que Ágata era filha de Genésio, quando na verdade é de Max. Tudo para se dar bem. Outra característica do novelista são suas vilãs bem construídas. Bárbara, Flora, de ‘A Favorita’ e Carminha ficarão lembradas, cumpriram com seu pepel e deixaram muitos telespectadores de cabelo em pé, inconformados com suas artimanhas.

Ainda assim, quem quis rever novamente a história dos irmãos gêmeos deu tempo de mudar de canal, pular por Viva e conferir a volta de ‘Felicidade’, de Manoel Carlos. Em seu capítulo inicial os personagens principais, vividos por Maitê Proença, Tony Ramos, Herson Capri e Viviane Pasmanter ( em sua estréia nas telinhas) também foram apresentados ao público.

Uma cidadezinha de Rochedo serviu como locação de fictícia Vila feliz, onde tudo se inciará e Helena e Álvaro se apaixonarão. O canal pago aproveitou-se da substituta de ‘Top Model’ para divulga-la de forma ampla. Foram utilizados banners espalhados por diversos sites, e até mesmo nos shoppings,  juntamente a fan page do Facebook e o Twitter oficial do canal.

Leonardo Gabriel

Viva reestreia ‘Felicidade’ nesta segunda

Canal Viva exibe a partir desta segunda ‘Felicidade’, levada ao ar pela Globo em 1991 com Maitê Proença no papel da segunda Helena criada por Manoel Carlos 

Nesta segunda ‘Felicidade’ está de volta no Viva, em substituição a reprise de ‘Top Model’, a partir das 15h30. A trama de Manoel Carlos, exibida originalmente pela Globo entre 1991 e 1992 têm como protagonista Maitê Proença, que vive a segunda Helena do novelista, famosos por batizar todas suas protagonistas com o nome. ‘Procuro fazer com que a personagem imite um pouco a atriz. Maitê estava admirável em toda a novela’, revela Maneco.

O folhetim conta a historia de amor entre ela e Álvaro, papel de Tony Ramos. Ambos se conhecem na fictícia Vila Feliz e se apaixonam. Porém, Helena volta para Mário (Herson Capri), seu antigo namorado.

Depois da fracassada relação e de um reencontro com Álvaro, ela fica grávida. Oito anos depois, de volta ao Rio esconde a verdadeira paternidade de Bia, sua filha,  a todos.

Leonardo Gabriel