Pesquisa revela os mais queridos de ”Amor à Vida”

Mocinha chata foi ”esquecida”

Foi realizado há alguns dias atrás uma pesquisa pela Globo sobre a novela ”Amor á Vida”. De acordo com os seus resultados, três personagens da trama estão sendo muito bem aceitos pelo público. São eles: Márcia, sua filha Valdirene e o grande vilão Félix, que vem recebendo elogios (por incrível que pareça) desde o primeiro capítulo do folhetim. A mocinha Paloma, vivida por Paolla Oliveira foi deixada de lado. Vai ver é porque ela é super ”expressiva”, ”entusiasmada” e ”interessante”… 

Perguntado se haverá uma ”mexida” na história devido a isso, o autor Walcyr Carrasco deixou claro que não e revelou que vai seguir aquilo que se propôs desde o início: ”Sou um autor intuitivo, para o bem e para o mal. Está dando certo nessa novela”.

@leonaardogsilva 

Ex-chacretes criam ”tempestade em copo d’água”

Ex-”assistentes” do Chacrinha querem processar a Globo

 

Na nova novela das nove, ”Amor á Vida”, Márcia – personagem de Elizabeth Savalla –  é uma ex dançarina do programa de Chacrinha. Na história, por vezes ela já disse que foi garota de programa, e atualmente, apronta das suas com o auxílio de sua filha. No entanto, as verdadeiras ”chacretes” não estão gostando nada da ”homenagem” do autor do folhetim.

Algumas delas, revoltadas com isso escreveram uma carta reclamando sobre para o diretor da obra, Wolf Maya, e para a própria Globo. Muitas delas, certamente, não entenderam que a intenção do novelista não era fazer esta associação: de que todas as demais dançarinas fossem, necessariamente prostitutas. Levando esta ”tempestade em copo d’água” mais além, pretende-se até processar autor e emissora…

Até mesmo a atriz Elizabeth Savalla, em recente declaração disso que o fato não deve ser levado a sério. E deu um exemplo, dizendo que nem todos os gays são mal caráter, referindo-se ao personagem Félix.

@leonaardogsilva