Mário Frias se estressa na Redetv! e chuta porta de camarim

 

O apresentador e ator Mário Frias, que comanda semanalmente o programa ”O último passageiro”, na Redetv!, esteve um tanto exaltado dia desses nos bastidores da emissora. Segundo a jornalista Fabíola Reipert, ele foi visto entrando em seu camarim, e percebendo que havia tido uma outra pessoa lá, que o deixou aberto, ficou extremamente irritado e chutou a porta de um outro camarim da frente, onde estava um convidado.

Não contente, ainda sobrou até para uma pobre funcionária, que não deveria ter nada a ver com a história. Grosso, ele disse á ela: ” Não sabe trabalhar direito. Depois é mandada embora e vai chorar no ponto de ônibus”.

Em Tempo: Recentemente, Mário Frias estava sendo sondado pelo SBT para comandar um novo projeto na emissora. Caso topasse, ficaria á frente de um programa sobre rodeios.

@leonaardogsilva 

Veja em Carrossel: Jorge passa na rua e quase atropela Daniel


Morales diz que quer abrir uma escola para seus funcionários não alfabetizados, assim eles poderão ganhar a chance de aprender e de ter mais oportunidades na vida. Helena diz que acha essa uma atitude muito bonita. Ele diz que gostaria que Helena fosse a coordenadora desse projeto. A professora fica surpresa e muito feliz. Morales diz que ela poderá permanecer com as aulas na escola Mundial e que cuidará do projeto no período da tarde, na própria escola. Helena diz que está feliz, mas que existe um agravante: já está efetivamente fora da escola. Morales diz que paga para Helena a mesma quantia que ela iria receber na nova escola e que ainda lhe dará mais alguns benefícios, caso aceite.

Helana agradece e concorda em pensar melhor sobre a proposta. Eufórica, a professora conta a notícia para sua mãe e diz que aconteceu um milagre. Enquanto isso, Eloisa e Rafael interrogam Jaime para saber onde o menino foi com Valéria. Pressionado, o menino acaba contando que foi até o escritório de Morales pedir ajuda para a professora Helena. Rafael acha a atitude bonita e parabeniza o menino com alguns trocados para ele gaste com o que quiser. No dia seguinte, Helena vai ao escritório de Morales, diz que aceita a proposta e fica agradecida pela confiança em seu trabalho. 

Ao sair do escritório do empresário, a secretária de Morales afirma que ela e seus alunos são privilegiados com o empresário, que no dia anterior dois de seus alunos foram até lá sem hora marcada e mesmo assim foram atendidos. Helena fica pensativa com a revelação e percebe que as crianças foram até lá para pedir que Morales lhe ajuda-se. Inconformada, a professora entra na sala, diz que não quer mais o emprego e exige explicações. Morales revela que Jaime e Valéria estiveram lá para dizer que não podem viver sem ela.

O empresário tenta argumentar com Helena, pede para que ela deixe o orgulho de lado e diz que jamais contrataria alguém sem capacidade para integrar sua equipe. Mais calma, Helena senta e os dois conversam. Enquanto isso, Miguel diz para Clara que Alberto e Rosana vão ser seus novos vizinhos. Clara fica feliz e lembra que eles possuem um filho muito educado. Miguel concorda, diz que conhece bem o Jorge e que ele está com a mesma idade de Maria Joaquina. Para Clara, Jorge pode ser uma excelente companhia para sua filha. Miguel lembra que a patricinha já tem vários amigos, mas Clara diz que ele pode até não concordar, mas acredita que é melhor para Maria Joaquina ter amigos da mesma classe social. Miguel descorda.

Mais tarde, Miguel, Clara e Maria Joaquina vão visitar os novos vizinhos, que estão terminado de organizar a mudança. Clara pergunta para Alberto onde está Jorge e confessa que a patricinha está ansiosa para conhecer o menino. Alberto diz que o filho está dando uma volta para conhecer o novo bairro. Na rua de casa, Jorge surge pilotando seu carro, um buggy amarelo. O garoto estaciona na porta e entra em casa. Alberto apresenta o filho para a família de Maria Joaquina. Jorge cumprimenta um a um, beija a mão da patricinha e diz que é um prazer conhecê-la. Clara elogia o menino mais uma vez e fala que ele é muito educado. Miguel convida os antigos amigos e agora, vizinhos, para irem jantar em sua casa.

Jorge entra no embalo e convida Maria Joaquina para dar uma volta em seu carro mais tarde. A patricinha fica toda encantada. Após algumas horas, as meninas vão até a casa de Maria Joaquina. Na porta da casa da patricinha, o assunto é só um: o novo menino que fica andando pelo bairro dirigindo um carro. Maria Joaquina se gaba e diz que ele se chama Jorge, é filho dos amigos de sua família e que é seu novo vizinho. Valéria comenta que a patricinha tem muita sorte. Jorge passa na rua e quase atropela Daniel, que se distraiu com sua bicicleta. Os dois conversam e Daniel convida o novo menino do bairro para conhecer o clube.

Ao chegar na casa abandonada, Jorge menospreza o local e diz que achou que se tratava de um clube de verdade, com pscinas e quadras. Daniel explica que se trata de um clube diferente, só para meninos e com o nome de ?Patrulha Salvadora?. Mário, Paulo e Davi estão na casa abandonada. Daniel apresenta Jorge. Logo de cara as diferenças de ponto de vista entre os meninos e o mauricinho ficam bem evidentes. Helena chega em casa e conta como foi a conversa com Morales. Cristina descorda da postura da filha e diz que ela deveria aceitar o trabalho. Para Cristina, Helena possui um trabalho que é reconhecido por todos, inclusive por seus alunos.

Veja em Marisol: Mário tenta entrar à força no apartamento de Sandra

Marisol dá uma bofetada em Rodrigo. Vanessa começa a gritar e Rodrigo e Chupa Cabra entram no quarto. Yole volta para o cortiço. Amparo acha que está ficando louca por causa das alucinações que vem tendo. Rodrigo conversa com o médico, que lhe garante que sua filha não perdeu o bebê. Mário tenta entrar à força no apartamento de Sandra. Mário, Sandra e Amparo discutem.