Veja hoje em Avenida Brasil – Max é assassinado

ÚLTIMOS CAPÍTULOS

Max espanca Nina que fica desacordada. Ao ela acordar vê Max morto ao seu lado. Nina diz a Jorginho que não se lembra do que houve, mas acha que é possível ter matado Max. Carminha é levada do lixão por Santiago. Os moradores do Divino começam a apontar suspeitos pelo assassinato de Max. Lucinda vai à delegacia e afirma que matou Max.

Após fazer réfens e tocar o terror, Max é assassinado em Avenida Brasil

Na reta final de Avenida Brasil, finalmente a tão esperada morte do personagem Max (Marcello Novaes). No capitulo desta quarta-feira,10 de outubro o vilão fez de reféns Carminha, Lucinda,Nilo e Nina. Max tentará estuprar Nina.

Surtado, o malando ainda aponta a arma para cada um e faz até contagem regressiva, mas acaba desistindo de atirar. “Pensando bem, antes do juízo final, eu mereço ter um gostinho que não tive ainda. E é você quem vai me dar!”, diz ele, aproximando-se da nora de Tufão (Murílo Benício).

“Você disse que transou comigo, mas era mentira! Só que agora vai ser de verdade, parceira”, ameaça. Ele a arrasta para o quarto, a joga na cama e pula sobre ela. Mas Jorginho chega e os dois se engalfinham. Apesar de evitar o estupro, o jogador leva a pior na briga e também vira refém do vilão.

o que se segue adiante nas cenas é uma grande confusão e acaba levando toda a família Tufão e Janaína (Claudia Missura) para o lixão. Enlouquecido, Max atira de raspão em Lúcio (Emiliano D’Ávila) — que foi ajudar Carminha —, põe fogo na casa de mãe Lucinda e sai com Nina.

Todos ouvem um tiro. Max dá uma pancada na cabeça da cozinheira com a arma. Ela apaga e, ao recobrar os sentidos, vê o vulto do vilão ensanguentado. O malandro tem uma faca na mão e vai para cima dela, que pega uma enxada e investe contra ele. Só que Nina leva de alguém uma pancada na cabeça e apaga novamente. Ao acordar, está caída ao lado do corpo desfalecido de Max.

Quando a poeira começa a baixar, a namorada de Jorginho acredita que ela pode ter matado Max. Só que Lucinda corre na delegacia e se acusa: “Eu vim aqui dar o meu depoimento! Nina não pode estar aí, porque ela é inocente! Ela não matou o Max! Quem matou o Max fui eu! Fui eu que matei o meu próprio filho!”.

A dúvida fica no ar, afinal, 11 personagens ( Carminha, Jorginho, Lucinda, Nilo, Nina, Lúcio, Janaína, Tufão, Leleco, Ivana, Muricy e Santiago) que estavam no local do crime, serão suspeitos do assassinato e a novela levanta em seu reta final o questionamento: “Quem matou?”

Matheus Felipe