Record foi a emissora que mais falou sobre a tragédia na boate Kiss de Santa Maria

 

As emissora de TV focaram bastante na cobertura da tragédia na boate ”Kiss”, em Santa Maria (RS) e desde o último Domingo apresentaram informações sobre o ocorrido em seus programas, jornalísticos e em plantões. A Record foi a emissora que mais citou o fato em sua programação entre os dias 27 e 28.

Isso, segundo as pesquisas da ”Controle da Concorrência”, que monitora inserções publicitárias para o mercado. A emissora dos bispos falou sobre a tragédia durante 14 horas. A Globo ficou em segundo lugar com 10 horas, seguida pela Band com 9 horas, pelo SBT com 7 horas e meia, e pela Redetv! com cinco horas.

Somando todas as três, há um total de 47 horas dedicadas á informação.

Leonardo Gabriel