Record define a substituta de ”A Historia de Ester”, que será ”Sansão e Dalila”

Após os resultados obtidos pela reprise de ”Rei Davi”, que foi capaz de fazer com que a Record quase dobrasse seus números na faixa nobre, a emissora seguirá apostando em produções do mesmo gênero. Mesmo ”A História de Ester” ter reestreado há pouco tempo, a emissora já tomou a decisão quanto a sua substituta. Foi confirmado que ”Sansão e Dalila” será reprisada, pela primeira vez, ao contrário de ambas citadas. Ela foi retratada na história bíblica do livro de juízes, e fez sucesso em sua primeira exibição, levada ao ar em 2 de Janeiro de 2o11 á 4 de Fevereiro. Sua volta está marcada para o mês que vem.

Também vale lembrar, que sendo assim, duas minisséries bíblicas serão exibidas na Record. Esta reprise, e a inédita ”José do Egito”, que segundo consta, entra no ar na última semana do mês de Janeiro.

Leonardo Gabriel

”Rei Davi” é reclassificada pelo Ministério da Justiça

O Ministério da Justiça reclassificou a minissérie ‘Rei Davi’, da Record, que foi exibida entre os meses de Janeiro a Abril para ‘proibida para menores de 12 anos’.Portanto o folhetim não poderá mais ser veiculado antes das 20h00, o mesmo que aconteceu com ‘Mulheres de Areia’, da Globo a poucos dias.

O MJ alega que mesmo que a produção exiba ‘conteúdo educativo e religioso’, como a própria emissora declara, há cenas na produção de violência e erotismo, que podem ter forte impactos as crianças.

Com 30 capítulos, ‘Rei Davi’ foi uma releitura de Vivian de Oliveira juntamente com sua equipe, que mostrou a passagem bíblica, de Davi, um menino pobre, que se tornou rei e libertou seu povo.

A trama que custou milhões para a Record chegou a liderar por cerca de 20 vezes no ibope.

A emissora diz no entanto que recorrerá a decisão, em caso de exibições futuras.

Leonardo Gabriel