Samara Felippo fala sobre gravações e seu personagem em “José do Egito”

https://i2.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130102111016.jpg

Uma das novas contratadas da Record para a minissérie “José do Egito”, Samara Felippo, falou sobre as gravações no deserto do Atacama e da sua personagem na minissérie bíblica.

Em entrevista para o jornal “Agora São Paulo”, ela falou que sofreu nas gravações, mas que tudo isso valia a pena.” Por mais perrengue que a gente tenha passado, a experiência foi válida e deu uma maior verdade ao trabalho. O povo retratado na minissérie morava no deserto e sofria com a seca”, disse a atriz.

Sua personagem será Diná que durante sua infância era violentada e que passará a rejeitar o amor. “Ela se torna uma mulher sem fé” revelou a atriz.

A minissérie “José do Egito” é uma das maiores apostas para 2013 na Record e tem estreia prevista para o dia 21 de janeiro se nada mudar.

Gabriel Henrique

Samara Felippo esclarece sua ida para a Rede Record

A mais nova contratada da Rede Record fala sobre sua para a Record depois de muito anos na Rede Globo.

“Não estava com contrato com a Globo e a Record já tinha me feito alguns convites no passado, mas nunca pude aceitar porque sempre estava envolvida em outros projetos. Agora, surgiu a oportunidade e fiquei muito feliz porque é um papel muito bom, no melhor produto da casa. Vou viver a Diná, irmã do protagonista vivido pelo Ângelo Paes Leme. É um prato cheio porque ela vai ser estuprada, viver desilusões amorosas e, por causa disso, terá acessos de loucura. Mas assinei contrato com a Record por obra, até dezembro”, disse ela.

Samara também falou sobre como ficaria sua relação com a TV Globo, depois de ir para concorrente.

” Normal. A Record está me recebendo com muito carinho, assim como sou tratada na Globo. Não tenho o que falar dela. E já aviso: não vou ficar fazendo comparações e polemizando como alguns outros atores. Também nem poderia falar nada porque nem comecei a gravar ainda.”

A atriz,  que é casada com  jogador de basquete Leandro Barbosa, com quem tem Alícia, de três anos, disse que nunca largou a carreira.

“Eu nunca larguei a profissão e fui morar lá fora. Só estou mais devagar, escolhendo melhor o que quero fazer, aprendendo a dizer não, coisa que muitas vezes não fiz.”

Tv Foco