Val Marchiory diz:”tá na Bíblia, o homem tem que ser provedor!”

A socialite Val Marchiory foi uma das atrações do programa ‘Superpop’ de ontem, comandado por Luciana Gimenez.Como sempre, a loira ‘causou’ ao fazer suas declarações no programa.

Logo de cara, Luciana quis saber a opinião dela diante de suas ex companheiras, do reality show ‘Mulheres Ricas’.Val não esbanjou elogios a elas.

Como já era de se esperar, as alfinetadas mais severas ficaram por conta de Narcisa Tanborindeguy.Val afirmou que ela é ‘louquinha’.A apresentadora que é amiga dela tentou amenizar, dizendo que ela era ‘animada’.’Deixar um helicóptero cair em queda livre pra mim é loucura!’, retrucou Marchiory.Isso foi uma brincadeira, na qual Tanborindeguy fez com sua ‘amiga’, fazendo o piloto de um avião fazer um ‘badalo’, que consiste em desligar o motor do avião quando ele está ligado, promovendo assim uma queda livre.Na ocasião, Val eufórica berrava:’eu quero descer dessa m…!’

Para Brunette, também sobraram indiretas.’A cachorra dela não pisa no chão e só toma água Perrier, hello!’, comentou ela, em tom de crítica.Sobre a piloto Débora Rodrigues, ela declarou que ela é legal, mas que não faz seu estilo.

Sobre as revelações, Val também se emocionou ao falar de seus filhos, comentou sobre sua mãe, que abandonou ela e seus irmãos quando eles ainda eram crianças.Sobre seu passado humilde, ela disse não ter vergonha.’Não, ao contrário, tenho o maior orgulho’.’Vim de baixo, passei necessidade…mas quando a trajetória é longa, a gente saboreia melhor a vitória!’.

Em seguida, Gimenez a perguntou o que um homem precisa ter para conquista-la.’Ter caráter e atitude’, respondeu ela prontamente.’Precisa ser rico?’ indagou Luciana.’e não pagar o champanhe, não rola!, respondeu ela argumentando:’tá na Bíblia, o homem tem que ser provedor!

Já encerrando a entrevista, a ricaça disse ter perdoado sua mãe, mas que mantém mágoas dela.’Mágoa quando uma mãe te abandona pequena sempre fica…mas perdoei”. “A gente também é mãe…talvez ela tenha feito o melhor que pode naquele momento…quem sou eu pra julgar? Só Deus!

Leonardo Gabriel