Veja hoje em Carrossel – Renê tenta conversar com Helena

Firmino conta para Helena que viu Suzana chorando na sala da diretora Olívia. No intervalo da aula, Maria Joaquina conta para as meninas que Jorge está numa viajem a Cancún, no México. Renê conversa com as crianças, ele está ansioso para dar sua primeira aula como professor de música. Helena senta ao lado da professora de inglês, Glória, para conversar. Normalmente Glória não conversa com os professores no recreio. Mais tarde, Renê tenta conversar com Helena, que lhe trata de maneira fria. Suzana interrompe a conversa e Helena decide sair do local.

Renê diz pra Suzana que Helena está tratando ele de maneira estranha. Suzana diz que a professora é desse jeito e que ele não deve ligar para ela. Firmino diz para Helena que está preocupado com Glória, que está triste e sofrendo. Helena decide falar com os alunos do terceiro ano sobre Glória. A professora pede que eles respeitem a professora de inglês, que deixem de lado os comentários maldosos a respeito de Glória e que tentem trazer alegria para a vida dela. Após a aula, Glória vai para casa e conversa com o filho Tom, que é cadeirante e iria estudar na sala de Helena, mas por medo de não fazer amizades, decidi não ir para a escola.

A família Cavalieri volta das férias de Cancún. Alberto vê Jorge chamar o motorista de imbecil e decide chamar sua atenção. Alberto conta para Jorge que ele irá estudar na Escola Mundial. O menino não gosta da notícia e tenta argumentar com o pai, que se limita a dizer que a decisão está tomada e que o problema está no comportamento do filho, mas que agora tudo começará a ser colocado em seu devido lugar. Jaime monta um plano para agradar Glória e conta com a colaboração de todos os alunos do terceiro ano. Eles compram flores para a professora e entregam para ela no dia seguinte. Glória fica surpresa com o carinho dos alunos e diz que ficou feliz. Alberto leva Jorge até a escola para fazer sua matrícula.

Resumo das Novelas desta sexta feira (02)

Wanda marca encontro com Antonia

Théo e Érica discutem. Lívia conta para Wanda que mandou um cúmplice ao escritório de Haroldo. Élcio tenta falar com Julinha. Morena reage impaciente à implicância de Áurea. Tamar acredita que foi Demir quem quebrou sua garrafa. Berna pede para Stenio não encontrar a família biológica de Aisha. Delzuite chega ao Alemão com Pescoço. Lívia e Wanda observam Haroldo conversando com o policial que investiga o tráfico de pessoas. Érica é chamada para falar com o coronel. Stenio ouve a opinião de Helô sobre o pedido de Berna. Lucimar e Diva implicam com a presença de Pescoço na gafieira. Wanda marca encontro com Antonia. Leonor concorda com o comentário de Dália sobre Celso e Isaurinha se irrita. Wanda finge surpresa ao falar com Antonia. Bianca recebe flores de Stenio. Zyah dança com Ayla. Stenio se encontra com Bianca. Amanda questiona Carlos sobre Yolanda. Érica não deixa Morena falar com Théo na competição.

Ulisses briga com Fábio

Felipe não concorda com o plano de Otávio contra Roberta. Charlô fala para Roberta não se preocupar com Otávio e Felipe. Ulisses briga com Fábio ao vê-lo expulsar Carolina de sua casa. Charlô afirma a Roberta que vai conseguir o emprego de Nando de volta. Otávio fala para Felipe que eles precisam sabotar as máquinas da Positano. Nenê beija Semíramis e pede para ela guardar outro pacote para ele. Manoela cuida de Fábio. Juliana rasga suas fotos com Fábio. Nando se desculpa com Roberta. O plano de Charlô para que Otávio contrate Nando novamente dá errado. Otávio conta seu plano contra Roberta para Veruska.

Edgar se surpreende por Laura não ter recebido suas cartas

Edgar tenta se explicar para Laura sobre a presença de Catarina. Constância fica triste com a ida de Albertinho para a escola militar. Edgar se surpreende por Laura não ter recebido suas cartas. Catarina convence Edgar de que não fez nada para impedir que as cartas dele saíssem de Portugal. Catarina procura Laura. Guerra, Neto e Jonas reclamam da campanha de Eulália contra os livros no jornal. Caniço volta para o Morro da Providência. Constância fala com Catarina. Edgar pede uma chance para Laura. Umberto espera Dorleác em casa. Jurema tenta convencer Isabel a dançar.

Gil e Dinho se dividem para tentar encontrar Lia

Raquel diz para Lia que voltou uma pessoa melhor e vai cuidar da família. Lia e Raquel discutem e a menina foge. Marcela e Raquel se desentendem. Gil e Dinho se dividem para tentar encontrar Lia. Lia chora, sentada na praia, e Tatá sonha com a irmã se afogando. Fatinha encontra Lia dormindo ao léu e a leva para o hostel. Ju pensa que Lia sumiu por sua causa. Orelha vê com Leandro a revista com as fotos de Marcela e as divulga em sua TV. Ju se irrita com a preocupação de Dinho em relação a Lia e manda que ele fique longe dela. Lia sofre, arrependida de ter deixado a família preocupada. Dinho procura Fatinha e ela o leva até Lia.

Professora Helena resolve mudar de escola por precisar de dinheiro

Helena explica para Olívia que não havia comentado isso nem com sua mãe. Cristina pergunta porque ela está tomando essa decisão. Helena diz que elas vão precisar do dinheiro para ajudar sua avó, uma vez que as economias de seu pai já estão acabando. Cristina diz que elas poderiam resolver o problema de outra maneira. Olívia diz que é uma pena, mas que entende que cada um sabe o que faz. Helena pede desculpa para a diretora, diz que lamenta deixar a escola e que ficará com os alunos até as férias. Enquanto isso, na sala de aula, os alunos dizem para Suzana que gostam muito de Helena e que irão pedir para a diretora deixar que ela continue a dar aula para eles no próximo ano. Suzana elogia o gesto dos alunos, mas alerta que eles devem encarar as coisas como elas realmente são. Valéria pergunta como as coisas são. Suzana diz que eles não sabem se Helena continuará a dar aula para eles no próximo ano e que deveriam perguntar isso para ela. Helena volta para a sala de aula e pergunta para Suzana se os alunos se comportaram. Todos respondem que sim. Então, na frente de todos os alunos, Suzana pergunta para Helena se é verdade que ela irá abandonar a escola. Helena fica chocada com a colocação de Suzana e os alunos ficam abalados com o que escutam. Helena diz que ama todos os alunos e que eles serão sempre especiais para ela, afinal, foram os seus primeiros alunos. Chorando muito, Helena explica que deixará de dar aula para eles a partir das férias do meio do ano. Todas as crianças também choram com a notícia. Elas não entendem o porquê da decisão de Helena e tentam argumentar, mas sem resultado. Clima de tristeza. Na manhã seguinte, Valéria diz para sua mãe que não quer ir para a escola. Rosa tenta de tudo para fazer a menina ir para a escola, mas não consegue. Cristina fala para Helena pensar em alguma solução diferente do que mudar de emprego e ficar longe dos alunos que tanto ama. Helena diz que está decidida. Mais tarde, na sala dos professores, Helena diz para Suzana que realmente terá que sair da escola por problemas financeiros. Conta que está triste em deixar as crianças e pelo fato de algumas delas acharem que isso é uma traição. Em casa, Valéria conta para Ricardo que não quer ir para a escola porque Helena irá parar de dar aula. Passados três dias, Helena pergunta para os alunos porque Valéria está faltando nas aulas. Eles dizem que ela parou de ir para a escola desde que Helena deu a triste notícia. A professora fica preocupada e autoriza Cirilo e Daniel irem até a casa de Valéria para verificar o que está acontecendo.

Osório se prepara para tentar conquistar Cremilda

Norberto arma com Magno uma arapuca para o sócio, usando Vitória. Arthur conversa com Lígia e Vicente sobre a pena de Eduardo e ressalta que ele ainda pode ser preso se não agir dentro da lei. Arrumado, Osório se prepara para tentar conquistar Cremilda, que ri de seus galanteios. Vitória diz a Eduardo que não quer um irmão, pois gosta de ser mimada. Taís reclama com Mariana que Abigail parece uma adolescente. Plínio vai se desculpar com Violeta, mas é agarrado pelas fãs. Josefina se impressiona com o visual de Osório e tenta ser sensual com o dono da pastelaria. Isabel sente falta da irmã e diz a Mirela que ainda não conheceu o homem de sua vida. Violeta encontra uma declaração amorosa da fã de Plínio e o expulsa a tapas de casa. Norberto pensa em maneiras para conquistar Isabel. Taís recrimina a avó Abigail, que leva mais um garotão ara casa e se passa por tia dela. Plínio convida Josefina para ir à rádio Ampola fazer pum testes como locutora. Magno executa o plano de Norberto e sequestra Vitória.

Veja hoje em Carrossel – Natália se nega a ajudar Mário

Miguel explica para Maria Joaquina que tudo o que é feito por gratidão não se deve esperar ou exigir reconhecimento e que essa é uma atitude de compaixão. Mais tarde, o veterinário vai até a casa de Mário para examinar Rabito. Mário fica esperançoso. O veterinário diagnostica o caso de Rabito como um quadro de pneumonia. O doutor medica o mascote e explica que Mário terá que medicar Rabito pelos próximos dias. Na manhã seguinte, Natália se nega a ajudar Mário a medicar Rabito. Mário fica muito nervoso e tenta ele próprio dar a injeção no mascote, mas fica sem coragem. Na escola, os alunos comentam sobre o misterioso veterinário que foi tratar de Rabito.

Maria Joaquina pensa em dizer que foi seu pai quem enviou o doutor, mas lembra do conselho do pai e não diz nada. Mário, aos prantos, implora que a professora Helena o ajude a medicar Rabito. Helena decide ajudar, mas fica receosa que a diretora Olívia descubra que ela precisará deixar os alunos aos cuidados de Firmino. A professora Suzana observa a movimentação e vê que Helena deixou as crianças com Firmino. Suzana vai até a sala da diretora e delata Helena. Enquanto isso, Helena chega na casa de Mário e consegue medicar Rabito. A diretora Olívia decide ir até a sala de Helena para averiguar o que Suzana disse, porém, no meio do caminho, Rosa tenta despistar Olívia para ajudar Helena.

Veja hoje em Carrossel – Miguel envia um veterinário para tratar Rabito

Mário está preocupado com Rabito e não consegue ser participativo durante a aula. Preocupada, Helena pergunta o que está acontecendo. Mário conta que Rabito está morrendo. Germano e Natália conversam sobre o estado de saúde do cachorro. Enquanto isso, Suzana vai até a sala da diretora Olívia para dizer que Helena anda deixando os alunos com outras pessoas durante as aulas. Olívia fica brava, diz que isso fere o código de conduta do colégio e promete averiguar. Olívia questiona Helena para saber se ela anda deixando as crianças sozinhas.

Helena nega, diz que deixa os alunos sob os cuidados da Graça e Firmino e que isso só acontece quando ocorre um grave problema. Mais tarde, Mário chora e diz para Helena que está com muito medo que Rabito morra. Helena pede para que ele tenha fé. Maria Joaquina conta para o pai que Mário está muito triste com o adoecimento de Rabito e que ele não possui condições de pagar um veterinário. Por gratidão, Miguel decide enviar um veterinário até a casa de Mário para tratar do Rabito.

Veja hoje em Carrossel – Paulo apronta na festa de Maria Joaquina

Rafael repreende a atitude de Jaime, embora o parabenize pelo ato de coragem. Mário procura uma peça de roupa para ir à festa e acaba discutindo com Natália. Mais tarde, durante a festa na escola, Laura e Jaime não aguentam a tentação e comem parte dos salgados escondidos. Clara avisa as crianças que no final da festa haverá uma surpresa para elas. Para passar o tempo, as crianças decidem brincar de esconde-esconde. Cirilo decide se esconder no mesmo lugar que Maria Joaquina. Paulo vai se esconder na sala dos professores e acaba se deparando com a surpresa preparada por Clara: várias guloseimas. Ele decide pregar uma peça nos colegas de classe e coloca farinha na bexiga que será usada na brincadeira de cabra-cega.

Clara anuncia que chegou a hora da surpresa e fala sobre as guloseimas que estão dentro da bexiga. As crianças, uma a uma, tentam estourar a bexiga durante a brincadeira de cabra-cega. Paulo observa e fica na expectativa. Helena diz que chegou a vez de Paulo participar. Ele faz cara feia, mas acaba indo. Paulo estoura a bexiga e fica completamente sujo de farinha. As outras crianças riem dele. Na manhã seguinte, Mário percebe que Rabito não está passando bem e fica muito preocupado com seu estado de saúde. Promete ao mascote que irá chamar um veterinário.

Veja hoje em Carrossel – Patrulha amarra bandido e liberta Maria Joaquina

Os garotos saem de seus esconderijos e escondem Dedinho atrás do sofá. Depois voltam para as mesmas posições para esperar Lobinho aparecer. No quarto da casa abandonada, Lobinho escuta a voz de uma das crianças e vai até a sala averiguar. O bandido se depara com Paulo caído no chão e se assusta. Jaime surge com um pedaço de pau, mas Lobinho nota sua presença e tenta se proteger. Jaime chama os meninos para lhe ajudar. As crianças conseguem amarrar o bandido e libertam Maria Joaquina. Assim que é solta, Maria Joaquina desmaia e é colocada deitada na cama. Cirilo se oferece para fazer respiração boca-a-boca para ajudar a amada.

Na momento em que iria dar o sonhado beijo, Maria Joaquina acorda e Cirilo diz que estava tentando apenas ajudar. Rabito consegue chamar a atenção dos policiais na porta da casa de Maria Joaquina e eles decidem segui-lo. Dedinho e Lobinho são presos. Os garotos ficam como heróis e se apresentam para a imprensa como ?Patrulha Salvadora?. No outro dia, as crianças conversam na escola sobre o fim do sequestro. Os pais de Maria Joaquina dizem para a professora Helena que gostariam de fazer uma festa para agradecer a ajuda das crianças. Helena gosta da ideia e pede a autorização da diretora Olívia. A princípio Olívia nega, mas quando sabe que foi um pedido de Miguel, muda de ideia e permite a festa.

Veja hoje em Carrossel – Os garotos tentam salvar Maria Joaquina

Os garotos decidem entrar na casa abandonada, Rabito fica de guarda na entrada. Os garotos entram munidos de lanternas, espadas e escudos. Daniel afirma ao grupo para esquecer os fantasmas e pensar no resgate de Maria Joaquina. Rafael revela a Miguel que os garotos e Rabito estão empenhados na busca de pistas de Maria Joaquina. Dedinho afirma a Lobinho que o melhor a fazer é devolver Maria Joaquina à família. Lobinho diz que teme que a menina os denuncie. Maria Joaquina enfrenta os bandidos ao dizer para eles pararem com a palhaçada.

Lobinho chama Maria Joaquina de mal educada, diz que ela precisa tomar uns tapas. Paulo coloca luvas e assusta Cirilo, que fica histérico. Os ladrões ouvem a gritaria. Maria Joaquina fica feliz ao ouvir os gritos do amigo. Lobinho vai ver o que está acontecendo, os garotos se escondem. Lobinho passa pela câmara secreta, o grupo descobre o esconderijo. As meninas se reunem na casa de Valéria, Rosa serve doces para elas. Valéria afirma a Laura que não entende como ela consegue comer tanto numa hora tão preocupante. Lobinho fala a Dedinho que não tem ninguém na casa, os gritos podem ter vindo da rua. A dupla de ladrões está preocupada com Maria Joaquina, pois a patricinha se recusa a comer.

Decidido, Jaime diz aos amigos que vai entrar na câmara secreta da casa. Cirilo tem um ímpeto de coragem e entra na câmara também, mas ao topar com Jaime sai correndo assustado. Jaime revela aos garotos que Maria Joaquina está lá dentro com dois bandidos. Jaime e Cirilo entram juntos na câmara, Maria Joaquina os vê. O policial revela a Miguel que o carro dos ladrões foi localizado, estava queimado. Os meninos se reunem para traçar um plano de resgate. Lobinho e Dedinho oferecem frango assado a Maria Joaquina, que fica enojada. Na câmara secreta, os bandidos começam a ouvir gritos novamente. Dedinho vai até a sala da casa abandonada averiguar. Paulo está caído no chão. Assustado, o bandido tenta ajudar o garoto. Jaime dá uma paulada nas costas de Dedinho, que cai desmaiado.

Veja hoje em Carrossel – Patrulha Salvadora se reúne para salvar Maria Joaquina

Miguel conversa com os policiais sobre as pistas do sequestro de Maria Joaquina. Joana entra na sala e revela que perdeu a chave da casa no dia anterior. Miguel fica bravo com Joana. Os policiais chegam a conclusão que os bandidos usaram a chave perdida para entrar na casa, roubar joias e sequestrar Maria Joaquina. Jaime reúne os meninos em sua casa para discutir um plano para ajudar Maria Joaquina. Valéria é impedida por sua mãe de sair de casa sozinha e decide convocar uma reunião com suas amigas para falar sobre a Maria Joaquina. Na casa de Jaime, Paulo sugere que continuem a expedição pela casa abandonada. Cirilo fica irritado com a sugestão e diz: “Enquanto a Maria Joaquina não aparecer, eu proíbo todos vocês de se divertirem”. Os meninos concordam com Cirilo e começam a arquitetar um plano para ajudar a amiga desaparecida. No cativeiro, a dupla Lobinho e Dedinho contabiliza as joias que roubaram de Clara.

Amarrada em uma cadeira, Maria Joaquina diz que a polícia está atrás deles pelo crime de assalto e sequestro. Os bandidos, que a princípio não planejaram sequestro algum, dizem que ela foi até o local por conta própria. Intrigados com o que Maria Joaquina disse, a dupla decide tirar proveito da situação e pedir resgate para o pai da menina. Jaime revela para os meninos que teve uma ideia para ajudar Maria Joaquina. Na casa da família Medsen, professora Helena consola Clara. Lobinho e Dedinho tentam descobrir o número do telefone de Miguel, mas Maria Joaquina se nega a passar. Enquanto isso, na casa de Valéria, Alícia interrompe o papo das meninas para compartilhar a informação que os meninos montaram um plano para ajudar Maria Joaquina.

Os garotos visitam Miguel para contar que tiveram a ideia de usar o Rabito para localizar Maria Joaquina. Eles pedem uma peça de roupa da amiga para que o mascote fareje o trajeto dela. Educado, Miguel, agradece, mas diz que aquilo não faz sentido. Os meninos ficam tristes. Joana oferece uma peça de roupa de Maria Joaquina com a condição de que eles não contem nada para Miguel. Rabito sente o cheiro dos pertences de Maria Joaquina e sai correndo. Os meninos seguem o mascote e descobrem que a amiga está na temida casa abandonada, lugar que acreditam estar repleto de fantasmas. Mesmo com medo, decidem que irão entrar na casa, mas antes vão atrás de armaduras para enfrentar possíveis fantasmas. No cativeiro, Maria Joaquina reclama sozinha: “Eu sabia que não havia fantasmas na casa abandonada, apenas dois bandidos tontos”.