Profissão Repórter (11/06/2013) – Programa mostra a situação dos passageiros e motoristas de ônibus no país

O ‘Profissão Repórter’ desta terça-feira, dia 11, registra a tensão que acompanha os passageiros e motoristas nos ônibus das grandes cidades brasileiras.

A repórter Paula Akemi vai até o Rio de Janeiro e circula por vários bairros da cidade. Durante a reportagem, Paula mostra que os motoristas, com muita freqüência, não param nos pontos de embarque de ônibus. A repórter encontra com o professor de matemática Revael Manoel, que faz sinal para cinco veículos diferentes, sem que nenhum pare.

Esse mesmo descaso acontece com os aposentados e estudantes que viajam de graça. Alguns motoristas contam que as empresas impõem limites quanto a quantidade de passageiros que podem viajar de graça. E em alguns casos, chegam a pagar uma bonificação aos profissionais que transportam mais passageiros.

O repórter Thiago Jock acompanha, por uma semana, o dia-a-dia dos passageiros da linha de ônibus Jardim Ângela – Praça da Árvore. Thiago conhece três empregadas domésticas que se conheceram no ponto final do ônibus e se encontram todos os dias no mesmo lugar. Vânia, Vera e Anita são casadas, têm filhos e uma delas chega a pegar até oito conduções por dia para ir e voltar do trabalho.

Já a repórter Jackeline Salomão vai para Recife, em Pernambuco. Ela acompanha a rotina dos motoristas e dos cobradores que chegam a trabalhar até 14 horas por dia enfrentando o calor e o transito da cidade. ‘Profissão Repórter’ vai ao ar logo após ‘Louco Por Elas’.

Divulgação Globo

Profissão Reporter (04/06/2013) – Programa mostra como a falta de creches afeta a vida de famílias

Cerca de 10 milhões de crianças estão sem vagas, mães brigam na Justiça por lugar nas creches para seus filhos. O programa mostra o drama de milhares de família de baixa renda, que dependem das creches, para que possam garantir seu ganha pão.

Divulgação (Glob0)

Profissão Repórter (28/05/2013) – Programa mostra a falta de leitos em hospitais públicos

Profissão Repórter (28/05/2013)

 

O ‘Profissão Repórter’ desta terça-feira, dia 28, conta a situação precária dos pacientes que sofrem com a falta de leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), na rede pública de saúde. Caco Barcellos acompanha o trabalho de Defensoria Publica do Distrito Federal, e apresenta casos em que os pacientes, mesmo depois de recorrerem à justiça para conseguir vagas em UTIs, têm dificuldades para conseguir o atendimento.

Programa mostra a falta de leitos em hospitais públicos

A repórter Eliane Scardovelli entra em contato com promotores de 17 estados e todos relataram a falta de vagas nas UTIs dos hospitais públicos. Em Maceió, a situação é considerada mais preocupante. A equipe de reportagem segue até a Maternidade Escola Santa Mônica, a única preparada para receber pacientes de alta complexidade no município, e encontra mulheres amamentando no chão. A UTI está sempre lotada e não sobra espaço para a recuperação das mães que acabam de dar a luz. No estado de Alagoas, seriam necessário 105 vagas de UTI, mas atualmente existem apenas 55 leitos. Em Cuiabá, a UTI pediátrica, do Hospital de Cuiabá, foi fechada. As crianças em estado gravíssimo são tratadas em uma enfermaria.

No sul do país a situação não é diferente. Em Curitiba, existem 296 leitos de UTI à disposição do Sistema Único de Saúde (SUS), sendo que a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o dobro. O repórter Victor Ferreira segue para o Hospital Evangélico de Curitiba, onde 47 funcionários da UTI foram afastados em fevereiro sob a acusação de antecipar a morte de pacientes para liberar leitos. O programa mostra como está a UTI do hospital hoje e entrevista o médico que coordena a equipe.

Divulgação Globo

Profissão Repórter revela caminho da exploração de trabalhadores nessa terça (09)

O “Profissão Repórter” sempre busca revelar a verdade e dessa vez não será diferente. Na edição dessa terça-feira, 09 de abril, Caco Barcellos e sua equipe de jovens repórteres mostram como funciona o caminho dos bolivianos até as oficinas de costura em São Paulo.

Profissão Repórter revela caminho da exploração de trabalhadores (Profissão Repórter revela caminho da exploração de trabalhadores (Profissão Repórter revela caminho da exploração de trabalhadores (Profissão Repórter revela caminho da exploração de trabalhadores (Profissão Repórter revela caminho da exploração de trabal)

A realidade de um Brasil que ainda produz com a exploração do trabalho. Imigrantes chegam a ganhar menos de um salário mínimo por mês. A rota dessa exploração é o tema dessa edição.

Reprodução Globo

PROFISSÃO REPÓRTER
NESSA TERÇA – 23h20 NA GLOBO

Profissão Repórter dessa terça (27) mostra a tensão da guerra

O Programa Profissão Repórter dessa terça, 27 de novembro, retrata a dura realidade das guerras. A equipe do programa vai mostrar os bastidores da guerra entre israelenses e palestinos.

E ainda, o programa vai apresentar a história de brasileiros que vivem na região de fogo e conseguem conviver com a terrível rotina de tensão, medo e perigo.

PROFISSÃO REPÓRTER
NESSA TERÇA – 22h45 NA GLOBO